A importância da gestão financeira e de investimentos

por | abr 14, 2022 | Educação Emocional

Muitas pessoas não dão importância para as finanças pessoais e também não dão a devida atenção para o próprio dinheiro e acabam sofrendo com dívidas, vivendo naquela bola de neve que mal dá para sobreviver.

Por isso que a gestão financeira e também um conhecimento básico sobre investimentos é tão importante.

A gestão financeira é o caminho para tomar decisões certas sobre o dinheiro, alcançar os objetivos e evitar problemas. Ela diz respeito ao acompanhamento preciso do dinheiro que entra e o dinheiro que sai, a ponto que você tenha uma boa noção da quantidade de dinheiro que você tem, a princípio, o quanto gasta e o quanto sobra para assim, poder investir.

Para fazer uma boa gestão financeira, o primeiro passo é fazer uma planilha, ou anotar em um papel, como for mais fácil pra você, onde você consiga visualizar todos os seus gastos fixos.

Primeiro, registre todas as transações, pois há gastos que são variáveis, como o que é gasto com lazer, combustível, é importante anotar tudo.

Lembre-se: é impossível fazer planos em torno de algo que não se conhece. Então dedique um tempo e concentre-se em registrar todas as suas finanças para não esquecer de nada. Mesmo gastos pequenos e variáveis são importantes e devem ser considerados.

Também considere os gastos anuais como pagamento de IPTU, IPVA, seguros, que são pagos em determinados meses do ano.

Se você tiver dúvidas, é preciso encarar esses problemas ou as dificuldades pelas quais você tenha passado. Você deve organizar suas pendências.

Faça um levantamento das dívidas, estejam elas em dia ou com pagamento atrasado. Registre os valores que você deve e não deixe de anotar as taxas de juros que você está pagando em cada uma delas.

Em caso de inadimplência, a situação é mais delicada e envolve problemas maiores, como cadastro negativo e pagamento de juros maiores.

Mesmo que o problema pareça grande, não o ignore e tente negociar as melhores condições para cada dívida.

Se você não tiver dívidas, será mais fácil se organizar financeiramente.

Deixe claro quais são seus objetivos: se seu sonho é comprar um imóvel, fazer aquela viagem, cursos, saiba que tudo pode ser possível através de uma boa gestão financeira. Aí entramos em um ponto importante: definir seus objetivos de curto, médio e longo prazo e manter um foco para realizá-los.

Além de definir seus objetivos é importante também pensar em imprevistos. Fazer uma reserva de emergência é essencial para que você consiga lidar com contratempos, se houver.

Agora que você já sabe como deve fazer o registro do seu orçamento, não basta só ter uma visão geral, é preciso fazer um acompanhamento constante dos seus custos.

Por isso, anotar seus gastos diários é uma estratégia essencial para identificar os gargalos do seu consumo e rever escolhas. Esse registro pode ser simples, pode ser feito em um caderno, ou uma planilha em seu computador. Há também aplicativos disponíveis para isso, e alguns até possibilitam que os gastos fiquem categorizados, o que ajuda no controle financeiro.

Acompanhar os gastos de perto é importante não só para saber aonde o dinheiro está indo, mas também para que você possa tomar decisões melhores com relação a ele.

Você está satisfeito com o seu controle financeiro atual, e também com o seu custo de vida? Você acredita que possa direcionar melhor seus recursos se sobrar mais dinheiro no fim do mês?

Olhe com atenção para o seu controle e tente identificar maneiras para reduzir custos. Uma forma boa de fazer isso é negociar suas contas fixas. Evite gastos desnecessários e mantenha seu controle financeiro bem rígido.

Acabar com gastos supérfluos é sempre a melhor opção. Procure manter a sua vida moderada, visando seus objetivos.

Não deixe de pesquisar preços e optar pelos valores mais baratos, até mesmo nas compras de supermercado. Os programas de cashback também são uma boa opção para gastar menos ao comprar um produto online.

Invista no seu futuro

Investir é pensar no futuro e deixar o dinheiro trabalhar para você.

Para investir de maneira correta, é preciso buscar o auxílio de profissionais e corretoras que vão lhe ajudar a alocar seu dinheiro de acordo com seus objetivos e momentos de vida.

Não adianta nada, você seguir todas as recomendações que demos acima se não souber o que fazer com o dinheiro que sobrar todos os meses não é verdade?

A organização financeira te ajudará a ter mais equilíbrio e tranquilidade, afinal você estará se esforçando hoje para ter mais qualidade e conforto no futuro.

Por isso, procurar desenvolver sua educação financeira e aprender sobre investimentos é a melhor atitude que você pode ter agora.

A melhor forma de investir dinheiro deve estar relacionada com as suas definições de metas. Elas podem variar, dependendo do perfil e da faixa etária de quem está investindo.

Da mesma forma como algumas pessoas sonham em construir um patrimônio sólido para garantir uma vida mais confortável para a família, outras tem como meta abrir um negócio próprio, construir a casa própria ou viajar pelo mundo.

Pessoas que pensam no longo prazo, não devem se preocupar com a aposentadoria, que certamente já faz parte do objetivo.

Metodologia GBI (Goal Based Investing)

Consiste em uma abordagem para gestão de investimento com foco em definir estratégias voltadas para objetivos específicos de vida. O dinheiro é visto como um meio e não como uma meta por si só, ou seja, os progressos dos seus investimentos são baseados na sua capacidade de conquistar seus maiores sonhos, e não necessariamente em quanto você investe.

Depois de definir os objetivos, o perfil do investidor é considerado para definir os próximos passos. O grande diferencial é que o GBI orienta decisões considerando as necessidades que você terá ao longo da vida e os prazos, de acordo com cada um de seus objetivos.

O segredo é um só: a combinação da expertise em investimentos com algoritmos e tecnologia. Por isso escolha bem o seu agente de investimento e uma corretora de confiança que possa te dar todo o suporte nessa sua caminhada!

Augusto Maurício

Augusto Maurício

Formado em Engenharia, iniciei no mercado de ações em 2004 realizando operações de Swing Trade. Naquela época não existia muita informação como hoje e meu aprendizado foi baseado em livros e tentativas e erros. Com a prática conquistei mas conhecimento do que perdas, e não foram poucas. Hoje me sinto capaz e faço parte de uma equipe que me motiva a ajudar a transformação na vida das pessoas.

0 comentários

Outros artigos

Ganhe dinheiro através de um robô de Day Trade

Ganhe dinheiro através de um robô de Day Trade

Os robôs de trade são muito procurados principalmente por pessoas que não tem tempo para estudar nem se aprofundar no assunto. Uma vantagem do robô é que ele não tem o aspecto emocional para atrapalhar nas operações, e a pessoa não precisa acompanhar o mercado o tempo...

Como ter consistência no Day Trade

Como ter consistência no Day Trade

Quem opera Day Trade tem que ter ciência que esse é o tipo mais arriscado na bolsa de valores. Os lances começam e se encerram no mesmo dia, e as operações podem ser realizadas tanto em ações quanto em contratos futuros e opções. Para investidores que tem perfil...