Ações promissoras para investir no exterior

por | jan 28, 2022 | Educação Financeira | 0 Comentários

** não é uma recomendação de compra

Com a alta do dólar, muitos investidores viram a necessidade, importância e a oportunidade de possuir investimentos no exterior.

Porque investir em ações internacionais

Mais do que querer investir em ações internacionais é preciso saber os motivos que podem te levar a pensar em investir em dólar em 2022.

Algumas das razões são:

 – investir em empresas de setores sem representatividade na bolsa brasileira

 – possibilidade de analisar mais empresas, pelo maior número de ativos

 – usufruir dos benefícios das empresas estarem fora do país, e não serem influenciadas pela economia interna

 – se expor às maiores empresas do mundo

 – se proteger da apreciação do dólar.

A diversificação geográfica é a maior vantagem de enviar recursos para fora do Brasil.

Nesse sentido, ela faz com que o investidor não esteja dependente apenas do mercado no próprio país, mas ele consegue proteger uma parte do seu patrimônio de riscos que são específicos do Brasil.

Assim, podemos eliminar um pouco dos riscos do investimento, já que a diversificação é e sempre será a melhor forma de proteção do patrimônio e obtenção de um rendimento melhor, principalmente na renda variável.

Mas quais ações comprar?

Temos que pensar que, apesar do valor do dólar estar alto, não dá para sair alocando o capital em qualquer empresa e esperar um retorno bom. Por isso é importante conhecer a empresa e seu histórico, antes de investir.

Tanto na Bolsa de Nova York (NYSE) quando na NASDAQ há empresas que merecem destaque:

Alibaba (BABA34)

Trata-se de uma empresa chinesa de capital privado que é formada por um conglomerado de empresas. É possível investir diretamente na companhia, por meio de uma corretora no exterior.

A companhia tem empresas famosas em sua participação como a AliExpress, que é muito conhecida no país por fornecer vários tipos de produtos com preços baixos.

Além disso, o Alibaba possui várias outras empresas e iniciativas importantes, como empresas do setor de logística, turismo, delivery, games, aplicativos, e redes sociais.

De 2012 até 2021 a empresa apresentou uma taxa de crescimento de receita de 48,8%, e por isso ela pode ser uma ótima alternativa para 2022, pois aqui, estamos considerando seu potencial e comparando com outras empresas do mesmo ramo, como a Amazon.

A única atenção com relação às ações da Alibaba é referente ao risco de interferência do governo chinês na empresa – algo que já se materializou algumas vezes, mas mesmo assim a rentabilidade da empresa não foi afetada.

Facebook (FBOK34)

Sem novidades, o Facebook ainda é um dos melhores investimentos internacionais para 2022.

Ele é conhecido pelas redes sociais, mas também possui BDRs negociados na bolsa brasileira, e apesar de ter se valorizado muito nos últimos anos, o Facebook ainda possui um grande espaço para crescimento, principalmente se formos considerar os projetos futuros, incluindo o metaverso.

O Facebook é capaz de gerar crescimento e gerar caixa junto, inclusive recomprando ações no mercado. Além disso, o retorno do capital investido pela empresa tem chamado muita atenção, pois fica na faixa dos 40% ao ano.

As empresas de tecnologia dos EUA costumam possuir indicadores de rentabilidade elevados, porém, as ações do Facebook chamam atenção por aliarem um retorno elevado com preço atrativo.

Johnson & Johnson (JNJB34)

É uma empresa que está presente na vida de bilhões de pessoas no mundo, pois está presente nas marcas e produtos mais utilizados como Johnsons, Neutrogena, Listerine, Cotonetes, Sempre Livre, Hipoglós e outras.

São várias marcas fortes e com uma importante vantagem competitiva, e é bastante conhecida no ramo de saúde, cuidados pessoais e também no ambiente farmacêutico. Existem ainda mais ramos de atuação que não conseguimos observar diariamente, como por exemplo a venda de aparelhos utilizados nas áreas ortopédica, cirúrgica, cardiovascular, neurovascular e de saúde ocular.

Assim, a companhia consegue diversificar suas receitas, dentro de um mesmo setor, o de saúde.

Além disso, é uma multinacional, e tem fontes de receita em todos os continentes. Assim há uma maior previsibilidade e uma estabilidade no faturamento, pois os eventos políticos e econômicos tendem a ter um impacto menor em seus resultados.

É importante ressaltar que a empresa é reconhecida no mercado pela excelente gestão e geração de valor ao acionista.

Mais uma vantagem que podemos falar, sobre investir no exterior é o potencial de retorno que pode ser encontrado em investimentos nas bolsas americanas.

Além dos riscos relacionados aos fatores que contribuem com a apreciação do dólar e com a depreciação da nossa moeda, existem outros pontos que favorecem o investimento fora do Brasil, como poder ter acesso a excelentes empresas que não possuem representatividade na bolsa de valores brasileira.

Com a Taxa Selic e a inflação doméstica, o impacto direto no câmbio do dólar é certo e com parte do seu capital no exterior, a curto e médio prazo, seus investimentos podem ser favorecidos.

Pesquisas revelaram que as 10 ações americanas mais negociadas pelos brasileiros nos últimos meses foram:

  1.       Airbnb
  2.       Tesla inc
  3.       Microsoft Corporation
  4.       NIO inc
  5.       Amazon.com inc
  6.       Apple.inc
  7.       Pfizer.inc
  8.       The Walt Disney Company
  9.       XPeng.inc
  10.   Berkshire Hatawhay inc

Algumas ações se justificam pelo momento econômico e social que o Brasil atravessa, e também pelas empresas que são preferidas pelo brasileiro.

A Airbnb por exemplo teve um IPO recente, e a Tesla, Microsoft, Amazon e Apple são empresas que sempre estiveram em alta no Brasil.

Já a Pfizer foi bastante procurada por conta da vacina. 

Investir em ações como Apple, Facebook, Google e Microsoft, dá ao investidor a possibilidade de se expor em empresas que possuem grandes investimentos ao redor do mundo todo, e não só em um único país.

Ainda, é importante falar sobre a imprevisibilidade do dólar.

É quase impossível prever a direção do preço da moeda no curto prazo, já que vários eventos mundiais podem influenciar na sua cotação.

Por isso é importante diversificar e principalmente reservar parte do capital para uma carteira de investimentos em ações internacionais, sejam elas da Nasdaq ou da Bolsa de Nova York.

 

Augusto Maurício

Augusto Maurício

Formado em Engenharia, iniciei no mercado de ações em 2004 realizando operações de Swing Trade. Naquela época não existia muita informação como hoje e meu aprendizado foi baseado em livros e tentativas e erros. Com a prática conquistei mas conhecimento do que perdas, e não foram poucas. Hoje me sinto capaz e faço parte de uma equipe que me motiva a ajudar a transformação na vida das pessoas.

0 comentários

Enviar um comentário

Outros artigos